Secretária diz que vídeo de ‘amarelinhos’ atropelando mototaxista é “chocante”; veja vídeo

amarelinhos

A secretária adjunta de Mobilidade Urbana, Luciana Zamproni, disse que o vídeo onde os agentes de trânsito aparecem atropelando o mototaxista é “chocante” e defendeu a punição dos envolvidos.

O incidente ocorreu na manhã de terça-feira (3), no Bairro Altos da Serra 2, na Capital, mas só veio à tona nesta quarta-feira (4). Nas imagens, dois “amarelinhos” perseguem e atropelam um mototaxista com uma viatura da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob).

“O vídeo é muito chocante. Mas serão punidos nos rigores da lei, com certeza”, afirmou.

Luciana se referiu aos servidores envolvidos no atropelamento como “bananas podres” e ainda avaliou que a dupla não tem condições psicológicas para atuarem nas ruas. “O que nós fazemos no primeiro momento é afastamento imediato da rua, obviamente, porque eles não têm condições de estarem lá. […] Eu acho que tirar a banana podre de um cacho é muito fácil”, enfatizou.

A subsecretária defendeu o afastamento imediato dos agentes e que, caso comprovado o crime, eles deverão ser punidos de acordo com a legislação. “Devemos punir aqueles que agem de forma errada. E é o que nós faremos”.

Prefeito oferece emprego à vítima

Após afastar os agentes de trânsito, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) reforçou que a investigação, por meio do processo administrativo disciplinar (PAD), será tratada como “prioridade e com seriedade”. O processo será encaminhado para a Procuradoria Geral e os servidores poderão, ao final, ser demitidos.

Além da punição aos servidores, o prefeito ainda afirmou que solicitou que o secretário da Pasta, Antenor Figueiredo, entrasse em contato com o mototaxista e oferecesse, em seu nome, um cargo na Secretaria.

De acordo com Pinheiro, esta é uma forma de “amenizar a dor emocional” que a vítima e sua família têm sofrido após o incidente.

Perseguição e atropelamento

A Semob divulgou uma nota afirmando que os agentes tinham solicitado que o mototaxista, de identidade não revelada, parasse durante uma abordagem e ele não obedeceu.

Conforme os “amarelinhos”, a vítima fugiu em alta velocidade e por isso perdeu o controle da direção e acabou caindo.

No entanto, as imagens mostram o profissional sendo perseguido pela viatura e em seguida sendo atingido.

Populares que estavam no local se revoltaram e atiraram pedras e tijolos no carro, destruindo o parabrisas.

Os agentes informaram que o mototaxista não teria licença para atuar ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ele ainda teve a moto apreendida pelos agentes.

Veja o atropelamento:

Fonte: Mídia News

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *