Mauro solta Júlio e Fávaro na banguela e vai apoiar Pivetta ao Senado

Screenshot_20200306-195922_Facebook

Mesmo sem tanta habilidade política, o imprevisível Mauro Mendes (DEM) está conseguindo sair da saia-justa que lhe foi colocada por causa de três pré-candidatos ao Senado do mesmo núcleo do governo.

Filiado ao DEM, o governador deu aval para Júlio Campos, do mesmo partido, matar a vontade desenfreada de concorrer à eleição suplementar de abril.

A Carlos Fávaro, que comandava o Escritório de Representação de MT em Brasília, Mauro demonstrou empenho em ajudá-lo com duas ações, uma no STF para este vir a assumir cadeira de senador, de modo a suprir vacância com a cassação de Selma Arruda, e outra no TRE, pedindo adiamento da eleição.

 

Entende que, com isso, fez o que pôde por Júlio e por Fávaro. A partir de agora, solta os dois na banguela.

E o candidato mesmo do chefe do Executivo será Otaviano Pivetta, vice-governador. Mauro justifica aos mais próximos que Pivetta é parceiro de primeira hora, foi fundamental na vitória de 2018 e já o ajudou nos outros pleitos tanto para o próprio governo quanto nas duas disputas à Prefeitura de Cuiabá.

 

Fonte: Blog do Romilson/ RD News

Foto: Mayke Toscano

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *