Mulheres brigam na fila da Caixa para sacar auxílio; veja vídeo

Screenshot_20200414-202231_Facebook

A situação das filas para receber o auxílio emergencial de R$ 600 na Caixa Econômica preocupa profissionais de saúde, já que mesmo com orientação para evitar aglomerações, as pessoas que precisam do dinheiro para sobreviver em tempos de pandemia de covid-19 e de isolamento social, que afetou a sobrevivência dos trabalhadores informais, estão se expondo em aglomerações para tentar receber o recurso.

 

Pior mesmo foi na agência da Caixa em Castanhal, município distante cerca de 70 quilômetros de Belém, a fila começou logo ao amanhecer desta terça-feira, 14. No final da manhã, uma confusão generalizada começou entre os trabalhadores, muito bate-boca e até briga entre duas mulheres, que se atracaram em agressão corporal, sem se importar com a possibilidade de contaminação pelo novo coronavírus.

 

Boa parte sem máscaras, sem condições de manter a distância de pelo um metro entre um e outro, as pessoas foram para as filas nas calçadas das agências da Caixa em busca do saque emergencial, que acabou sendo adiado para o próximo dia 27.

 

A Caixa, responsável pelos pagamentos, anunciou o novo calendário na noite desta segunda-feira, 13. Os saques ocorrerão conforme o mês de nascimento do beneficiário. As retiradas ocorrerão no dia 27 para os nascidos em janeiro e fevereiro, no dia 28 para os nascidos em março e abril, 29 para os nascidos em maio e junho, 30 para os nascidos em julho e agosto. Em maio, será a vez de os nascidos em setembro e outubro sacarem o benefício no dia 4; e os nascidos em novembro e dezembro, no dia 5.

 

A cena lamentável, foi registrada por quem estava na hall da agência e circula pelas redes sociais.

 

Fonte: Repórter MT

Foto: Reprodução

 

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *