Mulher arruma namorado pelo facebook, viaja para conhece-lo e morre esfaqueada

Screenshot_20200415-193958_Facebook

Mulher executada com 7 facadas pelo namorado o conheceu pelas redes sociais há 2 meses e viajou mais de 1.600 quilômetros para conhecer o assassino. Izabel Cristina Zuannazzi, 38, foi morta por Márcio Silva Soares, 38, no início da noite de segunda-feira (13), em Lucas do Rio Verde (354 Km ao norte).

Os golpes atingiram a vítima na altura do pescoço e tórax. Ela correu para a rua para pedir ajuda, mas, gravemente ferida, morreu ao passar por atendimento médico. O criminoso foi preso em flagrante e, além de responder pelo feminicídio, responderá pela agressão contra a mãe dele, que tentou interferir e defender a Izabel dos golpes.

As agressões começaram dentro da casa onde Márcio mora com a mãe, no bairro Parque das Américas, logo depois que ele chegou embriagado, por volta das 19 horas. Segundo a Polícia Civil, a vítima havia chegado na cidade há 15 dias para conhecer o Márcio, com quem começou namoro pelas redes sociais.

Mas, três dias antes de ser assassinada, decidiu que não queria levar o relacionamento adiante. Mas Márcio não aceitou o término. A jovem veio da cidade de Toledo, no Paraná, e, como mão conhecia ninguém na cidade, continuou na casa de Márcio, pois mantinha um bom relacionamento com a mãe dele.

Mas, ao perceber o comportamento agressivo, diferente do demonstrado pelas conversas em redes sociais, decidiu que iria embora. Segundo informações passadas por amigos do homicida, apesar de ele não possuir antecedentes criminais, havia relatos de outras ex-namoradas que mostravam ele como violento e descontrolado.

Márcio não possui profissão definida e trabalha como serviços gerais, autônomo. Depois de autuado em flagrante pelo delegado Daniel Nery, seguiu para unidade prisional da região. No dia dois de abril, Aline Gomes de Souza, 20, foi executada com 21 facadas pelo marido Raony Silva de Jesus, 27, na parte externa do condomínio onde residiam, em Cuiabá. Ele se apresentou horas depois e foi autuado pelo feminicídio. Alegou que perdeu a cabeça ao descobrir que era traído pela mulher.

Fonte: O Bom da Notícia/Com informações de A Gazeta.

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *