Prefeito antecipa salário para ajudar comércio a injetar R$ 65 milhões na economia cuiabana

Screenshot_20200423-205018_Facebook

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) afirmou que antecipação em oito dias do pagamento do salário dos servidores municipais, referente ao mês de abril, que estarão disponíveis para o saque nesta  sexta (24),  tem objetivo de injetar R$ 65 milhões na economia cuiabana às vésperas da retomada gradual das atividades do comércio.

Isso porque, grande parte dos estabelecimentos começa a funcionar a partir da próxima segunda (27) com horário reduzido e seguindo as recomendações de higiene da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Emanuel também sustenta que as medidas de isolamento social adotadas pela Prefeitura de Cuiabá, que completam 35 dias  no domingo (26), foram eficazes para conter a disseminação do novo Coronavírus (Covid-19) na Capital. Segundo ele, isso comprova que a defesa da vida e da economia não são coisas distintas.

“A vida é o maior patrimônio do ser humano e não pode ser ideologizada. É lógico que o ser humano precisa de emprego e renda, mas  esse debate, sobre o que é mais importante, não leva a lugar nenhum. Eu sempre digo, economia a gente recupera. A vida é uma só e quando se perde, é irrecuperável. O que adianta, adotar políticas cedendo a pressões e daqui a pouco ter uma Cuiabá contaminada como Manaus, Fortaleza e Brasília? Que emprego, que empresa vai sobreviver?”, lembrou Emanuel durante participação em live com o presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, nesta quinta (23).

Emanuel garante que apesar das críticas, o isolamento social deu resultado. Lembra que Cuiabá é a última capital em contaminação com a Covid-19 e registra somente um óbito até o momento.

 

“Um óbito para mim já é demais, mas o resultado positivo é fruto das medidas adotadas pela prefeitura. Como prefeito, dei a cara a tapa e adotei as medidas recomendadas pela OMS. O antigo Pronto Socorro, que será transformado em Hospital da Família, tem 180 leitos de enfermaria e 55 de UTI, sendo apenas dois ocupados, exclusivos para pacientes do novo coronavírus.  Os servidores são qualificados e estão com  EPIs adequados”, completou.

Antecipação salarial

Sobre a antecipação salarial, Emanuel diz que a medida foi possível porque a população, mesmo diante das dificuldades impostas pela crise, pagou o IPTU. Ressaltou ainda que o dinheiro que vai circular será fundamental para a recuperação do comércio cuiabano.

“Estamos honrando o nosso compromisso com os servidores municipais. Isso é furo da nossa boa gestão fiscal e, principalmente, do apoio que recebemos de todos os contribuintes cuiabanos. Mesmo em um momento de dificuldade, todos se esforçam para pagar os seus impostos, nos ajudando a manter Cuiabá em pleno funcionamento”, comenta.

Ao todo, a folha de pagamento de pessoal corresponde a R$ 65 milhões, sendo  R$ 51 milhões referentes a servidores ativos e R$ 14 milhões dos inativos. Segundo o prefeito, o recurso, além de garantir uma maior tranquilidade aos servidores e seus familiares, é uma forma do Município contribuir para a economia local, principalmente no momento de enfrentamento à pandemia.

“Apesar de ser uma obrigação, esperamos com isso colabora para o bem-estar da família cuiabana. O pagamento do salário em dia é importante também para movimentar economia local. O comércio está retomando, gradativamente, suas atividades neste momento difícil e estamos, dentro das nossas possibilidades, tentando dar nossa parcela de contribuição”, concluiu.

 

Fonte: RD News

Foto: Secom Cuiabá

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *