Antes de morrer, namorada de policial mandou áudio ‘se despedindo’; ouça

Screenshot_20200505-202715_Facebook

Instantes antes de supostamente cometer suicídio, segundo a versão inicial investigada pela Polícia Civil, Daiane Tonetta , namorada do policial Sanderson Castro, enviou um áudio para a sobrinha e afilhada, de apenas 5 anos, filha de seu irmão, em tom de despedida. Ela diz que independente  “do que acontecer a titia ama muito, mais do que qualquer coisa na vida”.

O áudio teria sido enviado entre às 12h e 12h10 e o suicídio cometido por volta das 12h30.

O áudio e print do WhatsApp foram obtidos com exclusividade pelo jornalista Ricardo Martins da TV Cidade Verde.

Na gravação é possível ouvir a vítima muito emocionada e chorando declarando o amor pela menina ao mesmo tempo em que demonstra que ‘algo’ estava para acontecer.

“Meu amor eu te amo tá, tudo que acontecer a titia te ama muito. A titia te ama mais do que qualquer coisa na vida. Eu te amo tá”, declara Daiane instantes antes da morte.

 

Entenda o caso

A Polícia Militar foi acionada por volta das 12h dessa segunda-feira (04) no bairro Jardim Guanabara, em Cuiabá, para atender uma ocorrência de uma mulher que estaria sendo mantida em cárcere privado pelo namorado.

No entanto, no local foi verificada uma versão diferente, onde a jovem teria entrado na casa do namorado, que é policial civil, quando teria pego a arma dele e se trancado no banheiro do quarto.

De acordo com a ocorrência da PM, o Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) foi acionado no local e tentado negociar com a vítima para desistir de cometer o suicídio e entregar a arma, porém, Daiane teria dado um tiro na boca que saiu pela nuca.

O boletim de ocorrência final da Polícia Militar foi registrado por ‘morte a esclarecer’, já que há várias dúvidas e respostas a serem obtidas para a confirmação das circunstâncias em que a jovem de 26 anos morreu.

Ouça o Áudio:

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *