Cuiabá entra em período de frio mais intenso nos próximos dias

43c01b8be28a0744a5b5822d32c89551

Os cuiabanos deverão experimentar mais frio no mês de junho, conforme a declaração do professor doutor em meteorologia, Rodrigo Marques, da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Em entrevista ao RepórterMT, Rodrigo lembrou que Cuiabá e MT já tiveram mais frentes frias em relação ao ano passado, mas que a frequência maior ocorre no mês de junho.

Ano passado foi um ano bem atípico, então é possível que tenhamos temperaturas mais baixas, até porque geralmente as menores temperaturas são registradas em junho, mas com maior frequência em julho”, disse.

Rodrigo, que é professor de Climatologia do departamento de Geografia da UFMT, ainda trouxe um panorama do frio em Mato Grosso e lembrou que já foram registradas temperaturas próximas de 0 por aqui. Em 1998, os termômetros registraram 0,4°C na Serra de São Vicente e 1°C em Poxoréu, em 1981.

Ele afirma, entretanto, que não é possível dizer quais serão as temperaturas mais baixas em 2021. “Não é possível indicar qual deve ser o valor da mínima, pois em previsões sazonais, para estações do ano, o que se prevê é que as temperaturas podem ser abaixo, acima ou dentro da normal climatológica, que é um período de análise de 30 anos de dados”, completou.

Neste ano, os mato-grossenses já puderam sentir as baixas temperaturas, o que fez com que muitos tirassem os casacos dos guarda-roupas. Os termômetros já chegaram a marcar 11ºC em Chapada e 14ºC em Cuiabá no último mês.

Fonte: RepórterMT / Foto: Mídia Max

Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *